<iframe src="//www.googletagmanager.com/ns.html?id=GTM-TV7W9T" height="0" width="0" style="display:none;visibility:hidden">< />iframe>

O que dá sabor à vida?

Confira algumas atividades ou formas de pensar que podem ser consideradas o sal da vida, na nova edição da Revista Fleury.

Quais atividades ou formas de pensar podem ser consideradas o sal da sua vida? O que lhe faz viver melhor e ter um dia a dia mais pleno? Para a estrela de musicais Kiara Sasso, que estampa a capa desta edição, atuar, cantar e dançar nos palcos dos grandes espetáculos brasileiros não basta – ela também dá mais sabor à rotina ao preparar bolos e cupcakes. O multiartista Cadão Volpato também busca outros temperos. Ele transita pelas profissões de jornalista, escritor, músico e desenhista, e ainda se dedica à criação dos quatro filhos. Para Bob Burnquist, skatista com mais de 20 anos de profissão, “aprender algo novo todo dia” é o que faz toda a diferença para uma vida mais saborosa.


A graça, o sabor, o sal que tempera nossos dias também pode estar à mesa. Nos pratos mais simples ou nas refeições mais sofisticadas, lá está ele, o mineral essencial e de importância histórica para a humanidade. Se bem utilizado, é um poderoso catalisador de experimentações. Em excesso, pode deixar de ser apenas um “sal do bem” e comprometer o bem-estar de quem o utiliza.

Nas próximas páginas, você verá histórias – à mesa e fora dela – que demonstram que o gosto de viver está nas pequenas coisas, como já diz a sabedoria popular, e também nas grandiosas. Nos detalhes, como um tempero especial, no delicado amor pelo próximo, ou nas emoções mais intensas, cada um tem seu próprio “sal da vida”.



Confira na íntegra a nova edição da Revista Fleury.

Boa leitura!​​​​​​​​